Páginas

terça-feira, 17 de julho de 2012

Copacabana 120 anos de história: Da mulher da cobra ao Zé das Medalhas

Uma homenagem ao inesquecível Zé das Medalhas.




Confira o caderno do Jornal O Globo, especial 120 anos de Copacabana, do dia 6 de julho de 2012:

            "Outros personagens, muitos folclóricos, ajudaram a construir a memória coletiva de Copa, como uma mulher que circulava com uma cobra enrolada no pescoço, na década de 70. Na Av. Prado Júnior, outra figura curiosa deixou sua marca na história do bairro: o famoso Zé das Medalhas.



             Desde 1971, ele trabalha na Farmácia do Leme, estabelecimento que existe há mais de 80 anos. Batizado Altair Domiciano Gomes, Zé das Medalhas chegou a ter 15 quilos extras, garantido pelos enfeites, e é atração no bairro.

            Não menos alegórico, outro grande personagem, o carnavalesco e museólogo Clóvis Bornay, também marcou época. Morador da Prado Júnior, ele era sinônimo de extravagância, devido à sua carreira como idealizador de fantasias de luxo, e chegou a atuar como carnavalesco.

            Bornay dedicou 60 anos de sua vida aos concursos de fantasias de carnaval, até ganhar o status de hors-concours e ser proibido de competir. Morreu em 2005, mas ficou eternizado na história de Copacabana.

            Também compõem o imaginário coletivo do bairro figuras como o escritor, cantor e compositor Fausto Fawcett. Depois de compor “Katia Flávia – A godiva do Irajá”, sua música de maior sucesso, ele se tornou um mito entre os vizinhos.

            Engrossam a lista de moradores ilustres  nomes como Ângela Maria, Nelson Sargento, Roberto Menescal, Sandra de Sá e Chico Caruso."

3 comentários:

  1. Muito bom ver estas figuras ilustres sendo lembradas. Tempo bom esse!

    ResponderExcluir
  2. Fiquei muito satisfeito em poder rever meu querido irmão Antônio de Barros Martins em suas postagens "Túnel do tempo". Ele foi funcionário da Farmácia por mais de 30 anos, morando na Prado Júnior. Morei com ele na década de 70, e pude conviver com vários de seus colegas de farmácia. Hoje moro em Volta redonda/RJ.
    Parabéns Farmácia do Leme e obrigado por fazer parte da minha Vida.
    abraços

    ResponderExcluir
  3. sou sobrinho do zé das medalhas gostaria de saber por onde ele anda

    ResponderExcluir